Pular para o conteúdo

IBGE revisa crescimento do Brasil para 1%; mudança na Petrobras

    IBGE revisa crescimento do Brasil para 1%

    O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) revisou para baixo o crescimento do PIB no segundo trimestre deste ano. A estimativa anterior havia orçado em 1,2% o crescimento da produção do país, no entanto, a revisão estabeleceu em 1% a dinâmica da atividade no país.

    O instituto também revisou os dados do primeiro trimestre; a mudança, no entanto, teve variação positiva e chegou a 1,3%, anteriormente havia sido estabelecido em 1,1%.

    Mudança na Petrobras

    A estatal promoveu mudança no preço do querosene, a redução foi de 6%. A mudança no querosene de aviação para distribuidoras tem efeito já no mês de dezembro, a redução estimada em cerca de 6% é analisada em relação ao mês de novembro. Os dados são da estatal, segundo a agência Reuters. Outras três regiões possuem dados disponíveis. As reduções chegam a 5,79% em Paulínia (SP), 5,72% em Betim (MG) e 5,83% em Duque de Caxias.

    Diretriz da estatal indica que o pré-sal, sobretudo na região do litoral carioca, concentrará a maioria dos investimentos nos próximos cinco anos. São cerca de dois terços, US$ 64 bilhões (R$ 400 bilhões). Durante o período, os planos da gigante petrolífera está focado na instalação de 18 novas plataformas de produção. 12 delas no pré-sal. A partir dos planos da estatal, a estimativa é que a produção de petróleo e gás cresça para 3,1 milhão de barris equivalente em 2027.

    O orçamento para a margem equatorial é quase a metade do orçamento da Petrobras para explorar novos locais para os próximos cinco anos. São cerca de R$ 15 bilhões, valor próximo ao que a empresa pretende gastar na exploração do Sudeste e da Colômbia.

     

    Saiba mais: PIB tem alta de 0,4% no 3º trimestre, investimentos crescem

    PIB do 3º trimestre pode transparecer juros altos

    Desemprego vai a 8,3% e atinge 9,5 milhões

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

    0

    CARREGANDO